Edilma visita comerciantes e defende ações para geração de emprego e renda

“No próximo ano precisaremos de uma prefeita com experiência em gestão, que saiba como encontrar soluções para que nossa cidade“, disse Edilma

A candidata do Partido Verde (PV) à Prefeitura de João Pessoa, Edilma Freire, esteve na manhã deste sábado (03) dialogando com comerciantes do bairro de Mangabeira, acompanhada da candidata a vice, Mariana Feliciano. Durante a visita a um dos principais centros comerciais da cidade, a educadora, moradora do bairro há mais de 20 anos, garantiu que quando prefeita vai potencializar os investimentos em geração de emprego, renda e desenvolvimento econômico da cidade. Participaram também da caminhada a vice-governadora Lígia Feliciano, o deputado federal Damião Feliciano e os presidentes estadual e municipal do PV, Luciano Cartaxo e Lucélio Cartaxo.

“No próximo ano precisaremos de uma prefeita com experiência em gestão, que saiba como encontrar soluções para que nossa cidade continue crescendo, desenvolvendo e cuidando das pessoas. Quero ser prefeita para continuar expandindo no nosso Banco Cidadão, que já investiu mais de R$ 54 milhões no fortalecimento dos pequenos negócios de João Pessoa. Serei prefeita para continuar garantindo equilíbrio fiscal para que nossos servidores continuem recebendo seu salário em dia, dentro do mês trabalhado, porque sabemos que isso fortalece as famílias e aquece nossa economia, com mais dinheiro circulando no setor de comércio e serviços da cidade”, disse.

A educadora destacou também a expansão dos cursos de qualificação profissional, que têm ensinado um novo ofício a diversas pessoas da Capital. “Vamos ampliar nosso Banco de Oportunidades, plataforma criada pela Secretaria de Ciência e Tecnologia para fazer a ponte entre a mão de obra qualificada pelos cursos de capacitação e as empresas da área de tecnologia, que hoje encontram um ambiente favorável para instalação dos seus negócios na cidade. Também vamos fortalecer nossa Escola Social, garantindo mais qualificação para as pessoas em situação de vulnerabilidade cadastradas na Secretaria de Desenvolvimento Social, possibilitando mais qualidade de vida e um novo futuro para essas pessoas”.