Publicidade
Política

Dinheiro Voador: STF pede a Rodrigo Janot parecer no inquérito contra Cássio

O inquérito que investiga o senador Cássio Cunha Lima (PSDB) sobre o caso do “Dinheiro Viador”, também conhecido como “Caso Concorde”, teve nova movimentação nesta segunda-feira (8) com a devolução dos autos para que a Procuradoria Geral da República (PGR) emita parecer, que pode transformar o inquérito em processo contra o parlamentar paraibano.

- Continua depois da publicidade -

Os autos estavam no Supremo Tribunal Federal (STF) e foram devolvidos ao procurador-geral da República, Rodrigo Janot, que pode ou não oferecer a denúncia contra o senador paraibano ao plenário do STF.

O Caso do Dinheiro Voador, também conhecido como Operação Concorde, da Polícia Federal, apurou esquemas de desvios de recursos e lavagem de dinheiro na campanha eleitoral do PSDB da Paraíba em 2006.

A ação se tornou lendária em João Pessoa porque literalmente choveu dinheiro na capital paraibana. Para não ser pego em flagrante pela PF, um operador da política local teria jogado R$ 400 mil do alto do edifício Concorde, o que deu nome ao caso.

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
E-mail: [email protected] | WhatsApp: (83) 98176 - 1651

Redação Paraíba Já

Fundado em maio de 2010, o Paraíba Já é um portal de notícias sediado em João Pessoa (PB), que tem compromisso com a verdade, fazendo um jornalismo de qualidade e relevância social.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar