O deputado estadual Raniery Paulinho (PMDB) apresentou na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), o projeto de Lei 1.671/2017, que dispõe sobre a inclusão de prova de redação nos concursos públicos realizados na Paraíba.

Raniery propões, na PL, que todos os concursos públicos realizados no Estado, seja na área direta ou indireta, autarquias ou funções públicas, para o preenchimento de quaisquer cargos públicos, efetivos ou provisórios, deverá ter sempre uma prova de redação adequada ao nível do concurso, a ser aplicado pelo órgão responsável pelo certame.

O parlamentar explicou que a apresentação do projeto veio depois de recente diálogo estabelecido com membros da Associação de Defesa das Prerrogativas dos Delegados de Polícia da Paraíba, sendo possível tomar conhecimento da edição da Lei Nº 7.037 de 20 de setembro de 2007, pelo Governo do Estado do Piauí.

De acordo Raniery, a ideia principal é evitar fraudes nos concursos públicos realizados no Estado, na medida em que a exigência da realização da prova de redação dificulta a clonagem da prova, ou seja, “fazer uma prova de redação e passar para alguém copiar a tarefa ímpar quase impossível”.

Para o deputado, a redação tem caráter subjetivo e serve não somente para evitar fraudes, mas também para avaliar questões gramaticais e do próprio entendimento do candidato sobre o tema. “Quem estuda e se prepara para concursos públicos não teme a esse tipo de prova, além de servir para evitar fraudes, inclusive por parte da banca organizada”, acrescentou Ranirey. Fonte: Acesso Político.

Comente