Defesa de Karla Pimentel desconhece convênio e arrecadação de dinheiro indevida narrados por ex-vereador

O advogado Hermann Lundgren, que representa a ex-secretária de Ação Social e pré-candidata a Prefeitura de Conde, Karla Pimentel, pediu direito de resposta, sobre matéria publicada pelo Paraíba Já, nesta quarta-feira (08), repercutindo áudios do ex-vereador Fernando Boca Loca.

De acordo com o Fernando, a ex-gestora teria realizado inscrições, cobrando um valor de R$ 50,00, de quase 400 pessoas interessadas no programa de habitação Minha Casa Minha Vida e que os imóveis não teriam sido entregues e nem os valores devolvidos.

Hermann Lundgren explicou que “nos anos de 2004 à 2008 e Karla Pimentel não era secretária da Ação Social”. Ele também afirma que “no período que ela esteve como secretária, desconhece qualquer tipo de convênio” e nega  que a ex-gestora tenha tido qualquer relação com o programa de habitação.

De acordo com a defesa “ela nunca assinou nada e nem fez convênio, não sabe do que se trata e nunca recebeu dinheiro”.

Hermann concluiu afirmando que Karla Pimentel não tem nenhuma pendência com a Justiça pelo tempo que esteve a frente da pasta.

“Karla tem todas as suas contas a frente da Ação Social, aprovadas por unanimidade, sem restrições ou devolução de dinheiro. Não tem nenhuma denúncia nos órgão de fiscalização”, assegurou.

Comente