Covid-19: Paraíba ainda não tem cenário ideal para volta às aulas presenciais, diz SES

Daniel Beltrame destacou que preferencialmente, bares e restaurantes não devem voltar a funcionar

O secretário executivo de Gestão de Rede de Unidade de Saúde do Governo do Estado, Daniel Beltrame, explicou que, no momento, a Paraíba ainda não tem um cenário ideal para o retorno das aulas presenciais. De acordo com ele, para que isso aconteça, é necessário um decréscimo nos números de casos e mortes causada pelo novo coronavírus.

“Não temos a menor condição, pelo risco e pelo número de contatos entre as pessoas de retornar às atividades do ensino presencial do infantil, fundamental, básico, profissionalizante e universitário. Temos que ter um cenário real no decréscimo de número de casos e óbitos, para pensar na reorganização da retomada de atividades presenciais na educação”, afirmou.

Quanto ao retorno das atividades de bares e restaurantes, Daniel Beltrame demonstrou preocupação. Para ele, nem todos os estabelecimentos são estruturados para atender as diretrizes necessárias para evitar o contágio pelo vírus.

“Quando pensamos da retomada de bares e restaurantes, vem na nossa cabeça locais estruturados, organizados, grandes com controle de temperatura na entrada, boa higienização das mãos dos clientes e controle na cozinha. Mas a maioria dos bares e restaurantes são de pequenos e médios negócios, é mais difícil organizar”, salientou.

Daniel Beltrame ainda destacou que, preferencialmente, bares e restaurantes não devem voltar a funcionar e, caso voltem, deve ser com um cenário bem parecido com o que foi estabelecido para a flexibilização em relação às igrejas e cultos, com no máximo 30% de ocupação, com protocolo de controle.

Comente