Coronavírus: 24 policiais penais testam positivo e são afastados das funções

Tendência de casos é aumentar nos próximos dias, devido ao contato que muitos policiais tiveram com outros

A Secretaria de Administração Penitenciária da Paraíba informou que, até a quinta-feira (7), pelo menos 24 policiais penais foram confirmados com o novo coronavírus. De acordo com o secretário de Administração Penitenciária, Sérgio Fonseca, todas as unidades prisionais do Estado estão passando por uma desinfecção a cada dois ou três dias.

Em relação aos casos confirmados de policiais, o secretário explicou que quando um policial penal apresenta sintoma da Covid-19, ele comunica à direção do presídio e é afastado imediatamente. Após o período necessário para realização do teste rápido, o policial é submetido à testagem no Hospital Edson Ramalho ou por meio de drive-thru, na Penitenciária de Segurança Média.

Apesar do número de casos confirmados atingir toda a Paraíba, segundo o secretário, a tendência é aumentar, devido ao contato que muitos policiais tiveram com outros.

No plano de contingência adotado no sistema penitenciário da Paraíba estão diversas medidas de prevenção à Covid-19, como a suspensão das visitas nas unidades prisionais, o que já ocorre desde o dia 20 de março; implementação de visitas virtuais através de vídeochamadas; utilização da Carceragem da Central de Polícia da Capital para custódia dos presos temporários da região metropolitana de João Pessoa para que cumpram a quarentena mínima de 14 (catorze) dias antes de sua inserção nas unidades prisionais.

Comente