Consócio Nordeste: João transmite cargo de presidente e faz levantamento de ações

Governador ainda destacou a evolução nas relações intergovernamentais, indicando uma mudança positiva desde a chegada do presidente Lula (PT)

Foto: Divulgação

O governador João Azevêdo (PSB) formalizou a transmissão do cargo de presidente do Consórcio do Nordeste para a governadora do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra (PT), em uma solenidade realizada em Natal.

Durante o evento, João Azevêdo fez uma retrospectiva das atividades desde a criação do colegiado dos governadores, destacando a importância da união entre os estados em busca de ações conjuntas.

“Eu não tenho dúvidas de que o Consórcio do Nordeste desempenhou, entre 2019 e 2022, um papel fundamental. Primeiro pelo enfrentamento à Covid-19 que tivemos que fazer de forma correta, pela ciência. Agora, é importante entender que tínhamos duas pandemias. Uma pandemia de Covid-19 e uma pandemia de gestão. As relações institucionais entre o poder central [gestão Jair Bolsonaro à frente da Presidência da República] e os governos dos estados. Nos encontramos num isolamento muito forte. O Consórcio se fortaleceu e deu à devida resposta”, disse João.

O governador da Paraíba ainda destacou a evolução nas relações intergovernamentais, indicando uma mudança positiva desde a chegada do presidente Lula (PT).

“A partir da chegada do presidente Lula houve uma transformação. Houve a reconstrução na interlocução entre os poderes. Hoje, verdadeiramente temos motivos de sobra para pegar um avião e ir a Brasília [capital do país], porque há acolhimento, retorno. Há a independência dos ministros para tratar com os governadores de forma respeitosa. Quando nos unimos, formamos um grande estado de 60 milhões de habitantes. Essa é a nossa força”, concluiu.