Concerto da OSPB tem regência do maestro gaúcho Tobias Volkmann

O maestro gaúcho Tobias Volkmann vem pela primeira vez a João Pessoa para reger o 8º Concerto Oficial da Temporada 2019 da Orquestra Sinfônica da Paraíba, nesta quinta-feira (17), às 20h30, na Sala de Concertos Maestro José Siqueira, no Espaço Cultural José Lins do Rego, em João Pessoa. No programa do concerto, que tem entrada gratuita, estão composições de Villa-Lobos, Arthur Honegger e Beethoven.

O concerto terá início com “Bachianas n. 4 – Prelúdio”, de Heitor Villa-Lobos (1887-1959), maestro, violoncelista, pianista e violonista brasileiro, que se tornou o compositor sul-americano mais conhecido de todos os tempos. Em seguida, será executada “Pastorale d’éte (Pastoral de Verão)”, do suíço Arthur Honegger (1892 – 1955).

Após o intervalo, o público vai poder conferir a “Sinfonia n. 6 em Fá Maior, Op. 68 – Pastoral (allegro ma non tropo, andante molto mosso, allegro, allegro e allegretto)”, de Ludwig van Beethoven (1770-1827), compositor alemão do período de transição entre o classicismo e o romantismo.

Tobias Volkmann disse que a expectativa em reger a Orquestra Sinfônica da Paraíba é a melhor possível. “Uma orquestra extremamente tradicional no Brasil, e até internacionalmente, pelo histórico dela com Eleazar (de Carvalho), nosso grande regente do Século XX, pelas gravações e pela importância dela também num período longo da história da música brasileira, justamente com registro do repertório brasileiro, que vai estar presente neste programa”, destacou o maestro.

“A primeira metade do concerto é uma amostra das escolas nacionais, da primeira metade do Século XX. Teremos Villa-Lobos, nosso grande compositor, com o prelúdio das Bachianas Quatro. Depois, vem a Pastoral de Verão, um pequeno poema sinfônico, ou seja, uma obra que tem uma inspiração extramusical bastante descritiva, que Honegger escreveu após uma pequena temporada nos Alpes Suíços. Ela é bem atmosférica, toda dedicada às pequenas formas, aos pequenos detalhes, e uma espécie de descrição de um amanhecer nos Alpes. Muito delicada e muito bem escrita a ponto de inspirar essa imagem. Quem conheceu, já esteve nos Alpes, consegue ver muito bem essa leve iluminação que vai chegando aos poucos, essa calma, essa paz do verão dos Alpes”, explicou.

“Na segunda metade, João Pessoa vai poder ter acesso à maravilhosa Sinfonia Pastoral de Beethoven, que tem uma característica que foge um pouco do que se esperaria dele, onde ele escreve uma espécie de música programática; você pode ouvir o cuco, a cotovia, pássaros no segundo movimento, enfim, várias referências extra-musicais, com a tempestade, as danças dos camponeses. Acho que vai ser um programa delicioso. O público de João Pessoa vai conseguir desfrutar da sua orquestra na sua plenitude”.

O maestro ressaltou ainda a expectativa em conhecer a capital paraibana. “É a primeira vez que vou a João Pessoa. Estou muito feliz, realmente curioso e encantado em poder conhecer a cidade e essa vida cultural vibrante, tão importante na história da música do Brasil”, finalizou.

O regente

Principal regente convidado da Orquestra Sinfônica Nacional – UFF, Tobias Volkmann é um dos destaques recentes da cena musical no Brasil. Desde a conquista dos principais prêmios concedidos no Concurso Internacional de Regência Jorma Panula 2012, na Finlândia, e do Prêmio de Público no Festival Musical Olympus de São Petersburgo em 2013, vem atraindo atenção para uma carreira internacional em ascensão.

Em 2015 estreou na célebre sala Gewandhaus de Leipzig como convidado da temporada oficial do Coro e Orquestra Sinfônica da Rádio MDR. Como convidado, esteve à frente de importantes orquestras europeias e sul-americanas, entre elas a Orquestra Sinfônica do Porto Casa da Música, Orquestra Sinfônica Estatal do Museu Hermitage,  Orquestra Sinfônica Estatal de São Petersburgo, Sinfônica de Brandemburgo, Orquestra Sinfônica do Chile, Orquestra Sinfônica Brasileira, Orquestra Filarmônica de Minas Gerais, Orquestra Sinfônica da USP, Orquestra Sinfônica da UNCuyo – Mendoza, Orquestra Sinfônica do Paraná e Orquestra Sinfônica de Porto Alegre. Compromissos futuros incluem a estreia frente à Orquestra Sinfônica Nacional do Peru e no Teatro São Pedro de São Paulo.

Como maestro titular da Orquestra Sinfônica do Theatro Municipal do Rio de Janeiro de 2016 a 2018, dedicou-se especialmente ao repertório operístico, coral-sinfônico e de ballet, recebendo reconhecimento de público e crítica, com destaques recentes para a Segunda Sinfonia de Mahler e a ópera “Un ballo in maschera”, de Verdi. Também a produção de “As Bodas de Fígaro” foi escolhida pela imprensa carioca como um dos dez melhores espetáculos de 2015 e a “Missa Solemnis”, de Beethoven, foi eleita um dos dez melhores concertos de 2016.

Na OSN UFF desenvolve o repertório sinfônico com especial enfoque na música brasileira. A orquestra vem retomando sua vocação inicial para o registro fonográfico, tendo gravado três CDs sob sua direção musical desde 2016. Sua discografia completa-se com Whisper, disco de música brasileira gravado ao vivo na Alemanha com a harpista Cristina Braga e a Sinfônica de Brandemburgo.

Tendo a versatilidade como principal qualidade artística, Tobias Volkmann se mostra igualmente à vontade no repertório sinfônico, coral, no teatro de ópera e balé e na interpretação historicamente informada da música do século XVIII. Com especial atenção à música contemporânea, estreia regularmente obras sinfônicas com a OSN UFF, tendo aberto a XXII Bienal de Música Contemporânea Brasileira em 2017. Dirigiu mais de vinte primeiras audições nos EUA, Alemanha, Rússia e Brasil.

Próximos Concertos

A Orquestra Sinfônica da Paraíba fará concerto na próxima semana, dia 24 de outubro, na Igreja do Rosário, em Jaguaribe, na Capital, dentro da programação do projeto OSPB nos Bairros. Em novembro, a OSPB volta a se apresentar no dia 7 e a Orquestra Sinfônica Jovem da Paraíba no dia 14, na Sala de Concertos Maestro José Siqueira, no Espaço Cultural.

Serviço

8º Concerto Oficial da Temporada 2019 da Orquestra Sinfônica da Paraíba

Regente: Tobias Volkmann

Dia: 17/10/2019 (quinta-feira)

Hora: 20h30

Local: Sala de Concertos Maestro José Siqueira, no Espaço Cultural, João Pessoa

Entrada gratuita

Comente