Combate à Covid-19: sobrepreço em compras da Prefeitura de Patos vira alvo do MPF

Órgão instaurou inquérito civil para poder apurar a denúncia e, de forma regular e formal, poder coletar os elementos necessários para auxiliar nas investigações

A Prefeitura de Patos é alvo de inquérito civil, instaurado pelo Ministério Público Federal (MPF) para apurar indícios de sobrepreço nas compras de insumos e equipamentos, usados para combater o novo coronavírus no município.

O MPF converteu a Notícia de Fato em inquérito civil, para poder apurar a denúncia e, de forma regular e formal, poder coletar os elementos necessários para auxiliar nas investigações.

O procedimento administrativo investigatório foi instaurado pelo procurador da República, Tiago Mesael. A portaria da investigação foi autorizada no dia 20 de julho e publicada no Diário do MPF nessa quarta-feira (22).

Comente