Com Polícia a postos, Câmara de Conde realiza sessão extraordinária para deliberar abertura de CPI contra Márcia Lucena

A sessão extraordinária para votar a instalação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar supostas irregularidades nos contratos de coleta de lixo em Conde acontece a partir das 9h desta segunda-feira (17).

O presidente da Câmara de Vereadores, Carlos Manga Rosa (MDB), acionou a Polícia Militar para conter os ânimos de manifestantes na Casa Cícero Leite.

Os contratos de coleta de lixo realizados pela Prefeitura de Conde foram apreciados e julgados regulares pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE), no ano passado, assim como foram aprovadas, por unanimidade da Corte, as contas de Márcia Lucena, referentes ao ano 2017. Aprovação que foi referendada em dezembro do ano passado por 10 dos 11 vereadores de Conde.

Comente