Publicidade
Política

Com direito a mensagem de João, partidos homologam apoio a Vitor Hugo em Cabedelo

Quatro partidos – PRB, PSB, Democratas e PDT – homologaram neste sábado a chapa Vitor Hugo (PRB) e Aguinaldo Silva (PSB), que irão disputar a prefeitura de Cabedelo-PB no dia 17 de março, em eleição suplementar. A convenção foi uma festa no Cabedelo Clube, com a presença de vários parlamentares, incluindo o senador eleito Vital do Rego e a deputada estadual Estela Bezerra (PSB).

O Governador João Azevedo, enviou mensagem gravada, que foi exibida no telão do clube. Na mensagem, o governador disse: “Cabedelo é uma cidade de extrema importância para a paraíba e precisa continuar avançando com pessoas que tenham o verdadeiro compromisso com a cidade. O governo precisa manter as parcerias para que cada vez mais Cabedelo cresça e se desenvolva”, e finalizou a mensagem com o jargão: “Segue o trabalho”.

O candidato a prefeito, e atual prefeito interino da cidade, Vitor Hugo, falou aos convencionais e militantes partidários, em tom elevado; acusando os adversários políticos de corrupção e que desviaram os recursos do povo de Cabedelo. “Nós vamos enterrar a família Régis. É uma família de indiciados. Nós vamos enterra-los no dia 17 de março”, bradou Vitor Hugo, durante a convenção. Ele fez referência aos indicados na operação “xeque-mate” (que prendeu políticos na cidade).

Neste domingo, 13, mais três convenções vão homologar outros candidatos a prefeito de Cabedelo. A eleição acontecerá no dia 17 de março. O eleito ficará no cargo até dezembro de 2020. A propaganda eleitoral em Cabedelo começa no dia 24 de janeiro. Com EstadoPB.

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
E-mail: [email protected] | WhatsApp: (83) 98176 - 1651

Mostrar mais

Redação Paraíba Já

Fundado em maio de 2010, o Paraíba Já é um portal de notícias sediado em João Pessoa (PB), que tem compromisso com a verdade, fazendo um jornalismo de qualidade e relevância social.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar