CCJ da ALPB aprova medalha Epitácio Pessoa para Adriano Galdino

A Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJ) da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) aprovou por unanimidade, na manhã desta quinta-feira, projeto de lei de autoria do líder do governo, deputado Ricardo Barbosa (PSB), concedendo a Medalha Epitácio Pessoa ao presidente da Casa, deputado Adriano Galdino (PSB).

Segundo Barbosa, a honraria se justifica “pela grandiosidade de seu trabalho como presidente da Assembleia, tanto anteriormente como na atualidade, pelo papel humano que ele desempenhou em todas as funções que exerceu e pela larga prestação de serviços à Paraíba, como vereador, prefeito, deputado, secretário e até na interinidade do governo estadual. Por isso, merece receber a mais alta insígnia desta Casa”.

A atuação política de Adriano Galdino teve seu início em 1988, quando eleito vereador pela primeira vez da cidade de Pocinhos, pelo extinto PMDB. Foi o segundo mais votado. Em 1992, foi eleito pela primeira vez ao cargo de prefeito daquela cidade, função que exerceu entre 1993 e 1996, elegendo-se mais uma vez em 2000 e reelegendo-se em 2004.

Em 2010, Galdino elegeu-se deputado estadual pelo PSB, sendo reeleito em 2014, presidindo a AL em 2015 e 2016. Ainda em 2015 assumiu interinamente o governo da Paraíba. Antes disso, em 2011 e 2012, assumiu os cargos de secretário de Interiorização das Ações do Governo e Chefe da Civil do governo.  No ano passado foi reeleito para o terceiro mandato e novamente preside a Casa, cargo que ocupará até 2022.

Comente