Cartaxo tem 72h para explicar à Justiça aumento de R$ 0,20 na passagem de ônibus

Após ‘erro’ de Cartaxo, empresas de ônibus podem ter que devolver dinheiro a passageiros

O prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PV), tem 72h para esclarecer o aumento de R$ 20 centavos na tarifa do ônibus em João Pessoa. Quem pagava R$ 3,80 usando o bilhete eletrônico, passará a pagar R$ 4; quem paga R$ 3,95 com o dinheiro, irá pagar R$ 4,15.

O despacho determinando o pronunciamento da gestão Cartaxo acerca dos elementos que embasaram o aumento foi proferido pela 2ª Vara da Fazenda Pública da Capital.

A decisão é fruto de mandado de segurança impetrado pelo advogado Alexandre Melo, do PSOL, que versou sobre a “falta de transparência e debate público sobre assunto de relevante interesse público, o Transporte Público como direito constitucional, o aumento de tarifas acima dos índices legais, as precárias condições do Transporte Público e, entre outros aspectos, o impacto das tarifas em outros direitos da população da capital”.

Confira o despacho:

Comente