Cardivando é transferido para o Metropolitano e só família tem acesso ao boletim

O comunicador Cardivando de Oliveira se mantém em observação sob acompanhamento médico após ter sido transferido do Hospital de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena para o Hospital Metropolitano Dom José Maria Pires. Ele foi vítima de um Acidente Vascular Cerebral (AVC)na última sexta-feira (10), em João Pessoa.

Informações do setor de Serviço Social do Hospital Metropolitano indicam que somente a família poderá ter acesso ao boletim médico do paciente, conforme recomendações recebidas.

QUADRO CLÍNICO

Em contato com o multimídia Walter Santos, o Hospital de Trauma informou que Cardivando de Oliveira chegou com sintomas de Afasia – distúrbio de linguagem que afeta a capacidade de comunicação – e com desvio de comissura labial, ou seja, fraqueza da musculatura do terço inferior da face, psilateral.

Em face do quadro clínico, há articulação junto às autoridades medicas visando oferecer atenção especial no tratamento do comunicador.

Do WSCom