Campinense não vê motivos para restrição de público no Amigão

    0

    A limitação da quantidade de torcedores no Estádio Amigão para as partidas do Campeonato Paraibano não agradou muito à diretoria do Campinense. O presidente raposeiro, William Simões, disse que não vê motivos para que a praça esportiva seja liberada com essas restrições, já que não há mais nenhuma grande obra sendo realizada no entorno do estádio.

    – Infelizmente eu não sei o que é que está havendo. Se em João Pessoa está sendo construído um viaduto, aqui não tem nada disso e eu não vejo o porquê dessa restrição. Mas, pelo menos o torcedor tem a certeza que o campeonato vai começar neste fim de semana e que vai poder vir ao estádio, mesmo com essas restrições – comentou o mandatário raposeiro.

    Pela determinação repassada pelos órgãos de segurança que vistoriaram e liberam o Estádio Amigão para as partidas do estadual, apenas nove mil torcedores poderão ter acesso aos jogos e a quantidade de ingressos para o time visitante será de 10% da carga total disponibilizada. Para poder aumentar a capacidade de público, em Campina Grande, a recomendação é que seja instalado um sistema de monitoramento por câmeras, assim como prevê o Estatuto do torcedor.

    O Campinense faz sua estreia no Campeonato Paraibano neste sábado, jogando no próprio Amigão, contra o CSP. A partida está marcada para começar a partir das 16h e vale pela primeira rodada do Campeonato Paraibano de 2016. As informações são do Globo Esporte PB.

    Comente

    Antares

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here