Caixa abre 10 agências neste sábado para auxílio emergencial e FGTS, na Paraíba

A Caixa Econômica Federal abre neste sábado (25), 10 agências, das 8h às 12h, para atendimento aos beneficiários do Auxílio Emergencial e do saque emergencial do FGTS. Ao todo, são 680 agências que estarão abertas em todo o país.

Os nascidos em janeiro já poderão realizar o saque em espécie dos benefícios, conforme calendário de saque criado para evitar aglomerações em agências e unidades lotéricas.

As 10 agências que abrirão neste sábado na Paraíba são: três em João Pessoa, nos bairros Cruz das Armas, Centro e Tambauzinho; duas em Campina Grande, no Centro; e as agências de Cajazeiras, Guarabira, Mamanguape, Patos e Santa Rita.

A relação de agências que estarão abertas pode ser conferida neste link.

Pagamento do Auxílio Emergencial e FGTS

A partir deste sábado, 3,8 milhões de beneficiários nascidos em janeiro poderão sacar o benefício nas máquinas de autoatendimento ou nas unidades lotéricas, além de transferir valores para contas da Caixa ou de outros bancos.

Também a partir deste sábado (25), os trabalhadores nascidos em janeiro que tiveram o crédito do saque emergencial do FGTS e que não movimentaram a conta Poupança Social Digital ou que tenham saldo remanescente já poderão sacar o benefício em dinheiro. Também será possível transferir os valores, via aplicativo Caixa Tem, para outras instituições financeiras.

Para realizar o saque, é preciso fazer o login no App, selecionar a opção “saque sem cartão” e “gerar código de saque”. Depois, o trabalhador deve inserir a senha para visualizar o código de saque na tela do celular, com validade de uma hora. O código deve ser utilizado nos caixas eletrônicos da Caixa, nas unidades lotéricas ou nos correspondentes Caixa Aqui.

Continua disponível ao trabalhador a opção de utilização dos recursos creditados na Poupança Social Digital para a realização de compras, por meio do cartão de débito virtual e QR Code, pagamento de boletos, contas de água, luz, telefone, entre outros serviços.

Com informações do G1

Comente