Bruno Cunha Lima nega aumento e professores da rede municipal de CG entram em greve

Os professores da rede municipal de Campina Grande deflagraram nesta terça-feira (07) o movimento de greve que terá inicio a partir desta quarta-feira (8). A decisão foi tomada depois da reunião realizada nesta segunda-feira (6) com o prefeito Bruno Cunha Lima, em que ele comunicou que não tem recursos para conceder o reajuste do piso da categoria em 15%.

Os professores reivindicavam o aumento salarial para adequação ao piso nacional do magistério, que prevê uma correção de 15% para este ano.

No entanto, diante da negativa do prefeito, a categoria decidiu cruzar os braços e suspender as atividades a partir de amanhã.