Brasil recebe primeiro lote de vacinas atualizadas contra Covid-19

Brasil recebe primeiro lote de vacinas atualizadas contra Covid-19
Foto: Divulgação

O Brasil recebeu o primeiro lote de 12,5 milhões de doses de vacinas atualizadas contra as variantes da Covid-19. O desembarque aconteceu no Aeroporto Internacional de Guarulhos, em São Paulo, e marca o início da entrega dos imunizantes em todo o país. Um segundo lote com o restante das doses está previsto para chegar nesta sexta-feira (3).

A chegada das vacinas reforça o compromisso do Governo Federal com a proteção da saúde da população brasileira. “Graças à vacinação em massa, conseguimos superar os momentos mais graves da pandemia”, afirmou a ministra da Saúde, Nísia Trindade.

“Agora, precisamos manter a atenção e garantir a proteção contra a Covid-19, que ainda é um problema de saúde pública”, completou a ministra.

Vacinas seguras e eficazes para toda a população

As vacinas atualizadas contra as variantes da Covid-19 foram aprovadas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) em dezembro de 2023. Elas são oferecidas pelo Programa Nacional de Imunizações (PNI) do Ministério da Saúde e já passaram por rigorosos testes de qualidade e segurança.

A vacinação contra a Covid-19 é gratuita e disponível para toda a população brasileira. Os grupos prioritários para receber as novas doses incluem:

  • Pessoas com 60 anos ou mais
  • Indivíduos vivendo em instituições de longa permanência (ILPIs e RIs) e seus trabalhadores
  • Pessoas imunocomprometidas
  • Indígenas vivendo em terras indígenas e ribeirinhos

Vacinação de crianças e grupos de risco

Desde o início do ano, a vacinação contra a Covid-19 para crianças de seis meses a menores de cinco anos está disponível no Calendário Nacional de Vacinação. Além disso, o Ministério da Saúde recomenda a aplicação anual ou semestral de uma dose de reforço para grupos prioritários com cinco anos ou mais e maior risco de desenvolver formas graves da doença.

Antiviral disponível para tratamento

O antiviral nirmatrelvir/ritonavir também está disponível na rede do SUS para o tratamento da Covid-19. O medicamento deve ser usado logo após o início dos sintomas e a confirmação do diagnóstico por teste laboratorial. Ele é indicado para pessoas com mais de 65 anos e pacientes imunossuprimidos com mais de 18 anos.

Governo Federal reforça a importância da vacinação

O Ministério da Saúde reforça a importância da vacinação completa contra a Covid-19 para toda a população, especialmente para os grupos prioritários. As vacinas são seguras, eficazes e representam a melhor forma de se proteger contra a doença e suas complicações graves.

Mais informações