Botafogo-PB aplica maior goleada da Série C 2020 e vence Imperatriz por 7 a 0

Gols do time paraibano foram marcados por Ramon, Diego Rosa, Rodrigo, Rodrigo Andrade, Marcos Aurélio, Everton Heleno e David Batista

Um verdadeiro baile do Botafogo-PB. Jogando na tarde deste sábado, no Almeidão, pelo Brasileiro da Série C o Belo aplicou simplesmente um 7 a 0 diante do Imperatriz em absoluto ritmo de treino.

Os gols do time paraibano foram marcados por Ramon, Diego Rosa, Rodrigo, Rodrigo Andrade, Marcos Aurélio, Everton Heleno e David Batista. O Imperatriz teve o goleiro Jairo expulso no lance do primeiro gol do Belo, marcado de pênalti, aos 19 da primeira etapa.

Botafogo-PB x Imperatriz; Série C Botafogo-PB x Imperatriz; Ramon; Ramon Botafogo-PB

Botafogo-PB x Imperatriz; Série C Botafogo-PB x Imperatriz; Ramon; Ramon Botafogo-PB (Foto: Paulo Cavalcanti / Botafogo-PB)

  • PRIMEIRO TEMPO

    O Botafogo-PB foi dono do jogo do início ao fim. Desde o princípio da partida resolveu jogar no campo de jogo do Imperatriz, que tentava sair nos contra-ataques, mas era inofensivo.

    Logo, aos 19 minutos, Ramon abriu o placar de pênalti, que teve direito a expulsão de Jairo, autor da penalidade máxima. Em seguida, aos 26, após bombardeio para cima do Cavalo de Aço, Diego Rosa ampliou o placar.

    O terceiro gol do Botafogo-PB veio com o zagueiro Rodrigo que aproveitou passe de Mário para fazer um bonito gol. Com superioridade extrema, o Belo foi só cozinhando o resultado em ritmo de treino e levou o seu 3 a 0 para o intervalo.

    Botafogo-PB x Imperatriz; Série C Botafogo-PB x Imperatriz

    Botafogo-PB x Imperatriz; Série C Botafogo-PB x Imperatriz (Foto: Paulo Cavalcanti / Botafogo-PB)

  • SEGUNDO TEMPO

    O ritmo de superioridade do Botafogo-PB no primeiro tempo só continuou na segunda etapa. No entanto, a partida caiu muito e a velocidade da partida era digna de um treino coletivo de um time só.

    Sem fazer nenhuma força, o Belo foi aplicando mais gols e aumentando sua goleada. Logo aos seis, Rodrigo Andrade fez o quarto dos paraibanos de cabeça após cruzamento de Mário. Na sequência, aos 19, Marcos Aurélio fez de pênalti, que ele mesmo havia sofrido.

    E teve mais… teve seis e sete. O sexto foi marcado por Everton Heleno, aos 38, e o sétimo veio dos pés de David Batista, aos 45.

    Diego Rosa; Botafogo-PB x Imperatriz; Botafogo-PB

    Diego Rosa; Botafogo-PB x Imperatriz; Botafogo-PB (Foto: Paulo Cavalcanti / Botafogo-PB)

  • OS CARAS

    Quem teve uma grande atuação foi o meia-atacante Ramon,que deixou seu gol e ainda teve uma assitências. Além disso, deixou muita gente na cara do gol, que o diga Diego Rosa. Grande atuação também do lateral Mário quesaiu de campo com duas assistências.

    Do Globo Esporte.