Bolsonaro indica advogado paraibano para presidir a ANS; Senado avalia

Graduado em Direito pelo Unipê, Paulo Roberto Vanderlei Rebello Filho já ocupou o cargo de assessor jurídico na Cagepa

O advogado paraibano Paulo Roberto Vanderlei Rebello Filho foi indicado pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido) para presidir a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS). O ato foi publicado no Diário Oficial da União (DOU), segundo informou o blog do jornalista Suetoni Souto Maior, nesta terça-feira (15).

Paulo Roberto Vanderlei ocupava anteriormente a Diretoria de Normas e Habilitação das Operadoras da ANS, cargo que assumiu em outubro de 2018, ainda no governo do presidente Michel Temer (MDB).

A indicação do advogado paraibano para o cargo de diretor-presidente da ANS, agora, precisa ser aprovada pelo Senado Federal, para que ele seja empossado no cargo.

Rabello é graduado em Direito pelo Centro Universitário de João Pessoa – Unipê – PB, com curso de Capacitação em Gestão e Direito da Saúde em andamento, Paulo Rebello tem ampla experiência na vida pública. Em 2016, ingressou no Ministério da Saúde como Chefe de Gabinete do Ministro. Também foi assessor jurídico da Diretoria Comercial da Companhia de Águas da Paraíba (Cagepa) no Governo Maranhão III.

No Senado, a indicação de Paulo Roberto Vanderlei para o comando da ANS deverá ser apreciada pela Comissão de Assuntos Sociais (CAS).

Saiba mais

A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) é a agência reguladora vinculada ao Ministério da Saúde responsável pelo setor de planos de saúde no Brasil.

A sede da ANS fica na cidade do Rio de Janeiro, na Avenida Augusto Severo, n° 84, no bairro da Glória. O atendimento ao cidadão sobre planos de saúde é feito pela Central de Atendimento ao Consumidor na internet, pelo Disque-ANS 0800 701 9656 e pelos Núcleos da ANS existentes no país.