Bolsonaro diz que auxílio emergencial será de R$ 300 por mais quatro meses

Benefício foi criado para anteder trabalhadores informais que perderam renda em razão da pandemia do novo coronavírus

O presidente Jair Bolsonaro informou nesta terça-feira (1º) que o auxílio emergencial será de R$ 300 por mais 4 meses.

O valor do benefício, criado para anteder trabalhadores informais que perderam renda em razão da pandemia do novo coronavírus, foi anunciado após reunião do presidente com ministros e parlamentares aliados no Palácio da Alvorada.

Ao propor o benefício, o governo definiu o valor de R$ 200, porém o Congresso elevou o auxílio a três parcelas de R$ 600 mensais, pagos a partir de abril.

O auxílio foi prorrogado uma primeira vez por mais duas parcelas de R$ 600 e, nas últimas semanas, as alas política e econômica do governo discutiram o novo valor do benefício.

Comente