- Publicidade -
Sem categoria

Bancada de Cartaxo protocola três CPIs para barrar investigações sobre a obra da Lagoa

A reunião da bancada governista na Câmara de João Pessoa com o prefeito Luciano Cartaxo (PSD) terminou com uma estratégia velha. É que toda vez que a oposição ameaça protocolar o pedido de instalação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar as irregularidades na obra da Lagoa, eles ressuscitam ideias de outras CPIs. Mais uma vez, a base cartaxista anuncia protocolar três comissões para investigar possíveis ilícitos ocorridos muito antes de Cartaxo assumir a prefeitura e metade da legislatura mirim atual sonhar em ocupar um espaço na Casa de Napoleão Laureano.

- Continua depois da publicidade -

Os parlamentares protocolaram três pedidos de abertura de Comissões Parlamentares de Inquérito na mesa diretora. Como o Regimento Interno da Casa prevê o limite máximo de apenas três investigações simultâneas no Legislativo, a pretendida pela oposição entraria na fila. O grupo oposicionista tem apenas oito das nove assinaturas necessárias para protocolar o pedido. Os governistas, por outro lado, não tiveram esse problema. Eles protocolaram as CPIs do “Jampa Digital”, “Cuiá” e do “Gari Bebê”.

Ao todo, dos 27 parlamentares da Casa de Napoleão Laureano, 19 são governistas. Havia a expectativa de que a vereadora Raíssa Lacerda (PSD), que não compareceu à reunião desta quarta-feira (20) fosse o nono voto. A decisão de Raissa deve ser tomada até segunda-feira.

 

 

Comente

Redação Paraíba Já

Fundado em maio de 2010, o Paraíba Já é um portal de notícias sediado em João Pessoa (PB), que tem compromisso com a verdade, fazendo um jornalismo de qualidade e relevância social.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar