Publicidade
Política

Autoria de Estela, reforma na ALPB terá mais acessibilidade

De acordo com o portal da Assembleia Legislativa da Paraíba, a reforma do prédio-sede da ALPB segue em ritmo acelerado. A partir de um requerimento enviado à Casa pela deputada estadual Estela Bezerra, o novo subsolo do prédio atenderá todas as regras de acessibilidade para pessoas com deficiência e necessidades especiais.

- Continua depois da publicidade -

O requerimento nº 7.445, encaminhado em maio de 2017, assinalou que o projeto de reforma do espaço físico do prédio da ALPB garanta o cumprimento das normas de acessibilidade para pessoas com deficiência e mobilidade reduzida, além de dispor de um espaço adequado que viabilize a presença de um profissional intérprete de libras.

Para a deputada Estela Bezerra, a gestão do presidente Gervásio Maia (PSB) está se modernizando e atendendo plenamente as reivindicações realizadas pelo requerimento. “Ao longo do nosso mandato, realizamos audiências dirigidas a discutir as políticas públicas para pessoas com deficiência, tendo sempre o obstáculo do próprio espaço físico da Assembleia, que ainda não tinha tido a oportunidade de implementar a acessibilidade”, afirmou a parlamentar.

Vinícius Fernandes, engenheiro responsável pela obra, afirmou que o todo o projeto arquitetônico possui adaptações para cadeirantes, ajuste das dimensões das portas, inclinação das rampas, barras de apoio, entre outros ajustes. “O prédio vai ser adequado às normas de acessibilidade para pessoas com problemas de locomoção, deficientes visuais e pessoas idosas”.

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
E-mail: [email protected] | WhatsApp: (83) 98176 - 1651

Redação Paraíba Já

Fundado em maio de 2010, o Paraíba Já é um portal de notícias sediado em João Pessoa (PB), que tem compromisso com a verdade, fazendo um jornalismo de qualidade e relevância social.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar