Apple faz Black Friday antecipada e baixa preços de adaptadores; veja as vantagens

Desde que anunciou o novo Macbook, a Apple recebeu uma chuva de reclamações de pessoas que se mostraram interessadas no laptop, mas que seriam forçadas a adquirir vários adaptadores para continuar usando seus acessórios normalmente, já que o notebook conta apenas com portas USB-C/Thunderbolt 3. A empresa decidiu responder com uma promoção.

Antecipando a Black Friday, a Apple reduziu preços na categoria de produtos que mais cresce em seu catálogo: a de adaptadores. Pelo menos até o final do ano nos países onde o Macbook já foi lançado, os valores serão reduzidos entre 20% e 50%, o que deve reduzir um pouco a revolta contra a companhia, que optou por não incluir nenhum adaptador na caixa.

“Reconhecemos que muitos usuários, especialmente os profissionais, dependem conectores antigos para realizar trabalho hoje e se depararam com uma transição. Queremos ajudá-los a migrar para as novas tecnologias e periféricos, assim como acelerar o crescimento deste novo ecossistema. Até o fim do ano, reduziremos os preços de todos os cabos e adaptadores USB-C”, diz o comunicado da Apple.

Veja os novos preços

Adaptador USB-C para USB-A: US$ 19 para US$ 9

Thunderbolt 3 para Thunderbolt 2: US$ 49 para US$ 29

USB-C para Lightning (1 metro): US$ 25 para US$ 19

USB-C para Lightning (2 metros): US$ 35 para US$ 29

Adaptador multiportas HDMI, USB e USB-C: US$ 69 para US$ 49

Multiportas VGA, USB e USB-C: US$ 69 para US$ 49

A redução de preços também deve afetar os acessórios feitos por outras empresas com a chancela da Apple, como o leitor de cartão SD USB-C da Belkin, que teve seu valor alterado de US$ 49 para US$ 29.

Interessante, no entanto, é a parte em que a empresa nota que os profissionais que usam o Macbook Pro devem ser os mais afetados com a transição. Especialmente aos fotógrafos e produtores de vídeo, a remoção da entrada de cartão SD é uma afronta porque não há qualquer alternativa prática para descarregar 250 GB de imagens sem ser pelo cartão que é rápido, pequeno e funciona muito bem sem acrescentar volume desnecessário ao laptop. Transferir um volume tão grande de dados sem fio é simplesmente inviável com a tecnologia atual, por mais que a Apple queira empurrar o sonho de um mundo sem cabos, que vitimou também a entrada de fones do iPhone 7. Isso força um público tradicionalmente leal à Apple a adquirir um adaptador.

O fato de a empresa realizar uma ação como essa promoção é praticamente uma admissão de um problema. A Apple sabe que a maior parte dos compradores do Macbook Pro terá que adquirir algum dos adaptadores, e oferecê-los por um preço menor é uma forma de fazer com que eles recorram à própria companhia para comprar o acessório em vez de gastar seu dinheiro com uma outra marca mais barata. As informações são do site Olhar Digital.

Comente