Após suspeitas na PB, procurador diz que sites de apostas são organizações criminosas

Procurador revelou, ainda, que há um acompanhamento feito pela CBF de jogos da Série D do Campeonato Brasileiro de 2019 que podem ter tido resultado manipulado

O procurador de Justiça do Ministério Público da Paraíba (MPPB), Valberto Lira, em entrevista nesta quarta-feira (29), revelou à existência de sites de apostas esportivas, que atuam de forma irregular, podem ser consideradas organizações criminosas.

De acordo com o procurador, os apostares dão um palpite do resultado do jogo e, caso acertes, recebem uma quantia em relação ao valor investido. Conforme Valberto, no Brasil estes sites agem de forma irregular.

O procurador revelou, ainda, que há um acompanhamento feito pela Confederação Brasileira de Futebol de jogos da Série D do Campeonato Brasileiro de 2019, onde as partidas tiveram seus resultados manipulados, para beneficiar sites de aposta.

Valberto Lira também falou sobre a polêmica que novamente surgiu no Campeonato Paraibano em torno da possibilidade de que jogos poderiam estar sendo manipulados. “O futebol hoje, ele envolve somas fabulosas. É muito dinheiro rolando e onde há muito dinheiro sempre se atraia a atenção de criminosos”, afirmou o procurador garantindo que o Ministério Público está atento e investigando qualquer possibilidade de crime envolvendo o futebol.

Comente