- Publicidade -
Política

Após escândalos de corrupção, Romero empossa controlador geral e adjunto em CG

Os dois chefes da nova secretaria são servidores de carreira da Controladoria Geral da União

Após escândalos de corrupção na atual gestão da Prefeitura de Campina Grande, que levaram à condenação de 16 pessoas no âmbito da Operação Famintos, que investigou desvios milionários na merenda escolar do município, o prefeito Romero Rodrigues (PSD) empossou os primeiros secretários-chefes da nova Controladoria Geral do Município. Ricardo Wagner Barros de Oliveira (titular) e Laerte Dantas Nóbrega (adjunto) passaram a integrar formalmente a equipe de primeiro escalão da Prefeitura de Campina Grande. Ambos são oriundos da carreira da Controladoria Geral da União (CGU).

- Continua depois da publicidade -

A cerimônia foi realizada no no auditório do IPSEM e foi prestigiada por diversas autoridades, estando presentes praticamente todos os secretários municipais e vereadores. Integrando a mesa de autoridades, além do prefeito e dos empossados, foram convidados a presidente da Câmara Municipal, Ivonete Ludgério; superintendente da CGU, Severino Queiroz; coordenadora das Promotorias de Justiça, Adriana Amorim; procurador geral do Município, José Mariz; secretário de Administração, Diogo Lyra; secretário chefe de Gabinete, Bruno Cunha Lima, e a ex-deputada Iraê Lucena.

Em seu discurso, o prefeito Romero destacou a experiência dos dois chefes da CGM, ressaltando que os empossados são auditores concursados da União, com ampla experiência para a implantação da Controladoria Municipal. Ele também agradeceu pela confiança dos novos auxiliares, que aceitaram o convite para trabalhar na cidade.

Quem são os chefes da nova Controladoria Geral do Município:

Controlador-Geral

Ricardo Wagner de Oliveira Barros, 55 anos, é formado em Contabilidade e especialista em Finanças Empresariais. Fundação Getúlio Vargas (FGV). De 1988 a 2005, ingressou por concurso no cargo de auditor de Contas, no Tribunal de Contas do Estado da Paraíba (TCE-PB).

Em 2005, ingressou na Controladoria Geral da União (CGU), como auditor federal de Finanças e Controle. O novo controlador-geral do Município de Campina Grande é especialista em Perícias Judiciais Atuariais e Contábeis, Auditorias Públicas e Privadas Contabilidade Privada e foi professor das disciplinas de Análise das Demonstrações Financeiras e Auditoria.

Adjunto

Laerte Dantas da Nobrega é analista de Finanças e Controle. Ingressou no Ministério da Fazenda em 01 de Janeiro de 1989 e, na Controladoria Geral da União em 10 de setembro de 2003. Em 2014, se aposentou.

O novo controlador-geral adjunto da Prefeitura de Campina Grande é formado como tecnólogo em Processamento de Dados (Universidade de Brasília) e em Gestão do Varejo (Uniuol – Cursos Superiores). No âmbito federal, em 1988, foi nomeado assessor do Secretário de Controle Interno. No Ministério da Justiça, assumiu o cargo em 1990 de Coordenador de Informática. Em 1991, no Ministério da Fazenda, respondeu pela Coordenação-Geral de Modernização e Informática.

Comente

Redação Paraíba Já

Fundado em maio de 2010, o Paraíba Já é um portal de notícias sediado em João Pessoa (PB), que tem compromisso com a verdade, fazendo um jornalismo de qualidade e relevância social.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar