Após buscas, corpo de jovem de Caruaru desaparecida é encontrado em JP

Patrícia Roberta foi encontrada por trás do condomínio Geisel Privê, no bairro Novo Geisel e não dava informações à família desde domingo (25)

A Polícia Militar da Paraíba encontrou, na tarde desta terça-feira (27), por trás do condomínio Geisel Privê, no bairro Novo Geisel em João Pessoa, o corpo da jovem Patrícia Roberta, que desapareceu após sair de Caruaru (PE), na sexta-feira (24) para passar o fim de semana com um rapaz na capital paraibana. Os pais dela chegaram na capital paraibana ontem (26) em busca de notícias sobre a filha, já que ela dava entrava em contato desde o domingo (25).

De acordo com o tenente-coronel Barros, o corpo encontrado está amarrado em um plástico, totalmente coberto, na área de mata e já estava em estado avançado de decomposição. As buscas foram realizadas em terrenos do bairro de Gramame e locais próximos com apoio de cães farejadores, Polícia Militar, Polícia Civil e Corpo de Bombeiros.

Em entrevista à TV Cabo Branco, a perita criminal Amanda Melo informou que, durante a perícia realizada no apartamento em Gramame, onde a jovem teria ficado ao chegar de Caruaru, foram encontradas fronhas e tênis sujos de sangue.

No local, segundo a perita, havia também livros de magia e uma lista com nomes de mulheres, além de manuscritos que afirmam coisas como “à noite saio para matar” e “você é muito boazinha”.

A perícia ainda encontrou vários objetos pessoais de Patrícia no lixo do prédio.

De acordo com a mãe da jovem à polícia, Patrícia entrou em contato com ela no sábado (24) e informou que o rapaz teria a deixado presa em casa. No domingo (25), ela avisou que o homem havia chegado em casa com duas passagens, que segundo ela seriam usadas para os dois voltarem à cidade de Caruaru.