Agentes de endemia da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) seguem insatisfetos com o tratamento dispensado pela gestão do prefeito Luciano Cartaxo (PV). Desta vez, se manifestaram em frente ao Centro de Zoonoses da Capital e chegaram a queimar pneus na manhã desta terça-feira (8).

A razão em especial pela insatisfação da categoria foi a quebra de um acordo costurado com a PMJP.

De acordo com a presidente do Sindicato dos Agentes Vigilância Ambiental, Célia Marques, na última reunião entre as partes ficou acordado que a prefeitura repassaria aos agentes um valor, em 2018, referente ao PQAVS (uma gratificação) do ano de 2017.

De acordo com Célia, uma nova reunião foi realizada com o secretário de Saúde, Adalberto Fulgêncio. Na reunião ele informou que o valor não seria pago, nem as outras reivindicações poderiam ser atendidas, como o aumento salarial e o fardamento.

No último dia 17 de abril, os agentes já haviam ocupado a Câmara Municipal de João Pessoa em protesto ao descaso da prefeitura.

Veja:

Agentes de endemia queimam pneus em frente ao Zoonoses em protesto contra a gestão de Cartaxo Agentes de endemia queimam pneus em frente ao Zoonoses em protesto contra a gestão de Cartaxo Agentes de endemia queimam pneus em frente ao Zoonoses em protesto contra a gestão de Cartaxo Agentes de endemia queimam pneus em frente ao Zoonoses em protesto contra a gestão de Cartaxo Agentes de endemia queimam pneus em frente ao Zoonoses em protesto contra a gestão de Cartaxo Agentes de endemia queimam pneus em frente ao Zoonoses em protesto contra a gestão de Cartaxo

Comente

Camara Municipal

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here