A 11 dias da eleição, Paraíba soma quase 240 denúncias de irregularidades

Faltando 11 dias para a eleição, a Paraíba contabiliza 239 denúncias de propaganda eleitoral irregular, espalhadas em 45 municípios do Estado. Os dados são do Pardal, aplicativo da Justiça Eleitoral.s

João Pessoa, capital paraibana, tem o maior número de queixas, com 71 denúncias eleitorais, seguida por Campina Grande, que soma 50, e depois Santa Rita, com 17 registros.

Em um mês de funcionamento, o aplicativo recebeu 16.814 denúncias de propaganda eleitoral irregular, vindas de todo o Brasil, e que envolvem compra de votos, uso da máquina pública, crimes eleitorais e propagandas irregulares.

O recorde foi registrado na última quinta-feira (15): foram 1.088 denúncias em um só dia. Os dados foram divulgados na segunda-feira (19).

As denúncias deram origem a 4.705 (26,19%) processos em tramitação no sistema do Processo Judicial Eletrônico (PJe) da Justiça Eleitoral. A apuração compete ao Ministério Público Eleitoral (MPE).

Confira o número de denúncias por município:

ALHANDRA 2
APARECIDA 1
ARARUNA 1
AREIAL 1
AROEIRAS 1
BANANEIRAS 3
BAYEUX 1
BAÍA DA TRAIÇÃO 1
BERNARDINO BATISTA 1
CABEDELO 10
CAJAZEIRAS 1
CALDAS BRANDÃO 1
CAMPINA GRANDE 50
CAPIM 1
CASSERENGUE 1
CATOLÉ DO ROCHA 13
CONDE 3
CRUZ DO ESPÍRITO SANTO 1
DONA INÊS 1
DUAS ESTRADAS 1
FAGUNDES 1
GUARABIRA 3
INGÁ 1
ITAPOROROCA 8
JOÃO PESSOA 71
JURIPIRANGA 3
LAGOA SECA 1
MATARACA 3
MONTEIRO 1
NOVA PALMEIRA 1
PATOS 3
PAULISTA 1
PEDRAS DE FOGO 1
PICUÍ 3
PRINCESA ISABEL 1
RIO TINTO 6
SANTA RITA 17
SAPÉ 4
SUMÉ 1
SÃO BENTO 1
SÃO MAMEDE 1
TAPEROÁ 3
TAVARES 1
TEIXEIRA 1
ZABELÊ 7