7 de setembro: manifestantes protestam contra Jair Bolsonaro, em João Pessoa

Participantes pedem saúde, comida, moradia, trabalho e renda, além da saída do atual presidente da República. Atos acontecem em todo o país

(Foto: Instagram/CUT-PB)

Os movimentos sindicais da Paraíba se unem ao 27º Grito dos Excluídos e Excluídas, que acontece nesta terça-feira (7) em todo o país, feriado de Independência do Brasil. No Estado, os atos estão sendo realizados em João Pessoa, Campina Grande, Patos, Sousa e Cajazeiras.

Na capital paraibana, a concentração foi iniciada às 9 horas, na Praça das Muriçocas, no bairro de Miramar e foi feita carreata e caminhada até o Busto de Tamandaré, na orla da capital, onde o público irá se dispersar. De acordo com as informações, a Polícia Militar chegou a retirar alguns manifestantes pró-Bolsonaro que estavam no local.

Os participantes pedem saúde, comida, moradia, trabalho e renda, além de pedir a saída de Jair Bolsonaro (sem partido) da Presidência da República.

O deputado estadual, Anísio Maia (PT) marcou presença na manifestação e destacou que os atos estão sendo realizados em todo o país e ocorrem com tranquilidade, da mesma forma que ocorre aqui na capital paraibana. Além dele, também estava no ato a ex-vereadora de João Pessoa Sandra Marrocos (PT).