Zona Franca criará cerca de 1 milhão de empregos diretos e indiretos no Semiárido

0

Neste Dia do Trabalho, 1º de maio, o deputado federal Wilson Filho (PTB), reforçou a necessidade da criação da Zona Franca do Semiárido Nordestino para promover o desenvolvimento regional e a geração de novos postos de trabalho na região. A estimativa é que a área de livre comércio possibilite a criação de cerca de 1 milhão de empregos diretos e indiretos entre os nove estados do Nordeste e Minas Gerais.

“Mais do que nunca precisamos de ações para aquecer nossa economia e reduzir os índices de desemprego que atinge todo o País e que no Nordeste fica ainda mais evidente. A nossa região, principalmente a área do Semiárido, há muito luta em pé de desigualdade com o restante do Brasil, no tocante a geração de fonte de renda para sua gente. A Zona Franca é uma possibilidade real de criação de postos de trabalho”, comentou.

O Projeto de Lei 19/2011 de autoria do parlamentar propõe uma área de livre comércio entre 93 municípios, para exportação e importação com incentivos fiscais, pelo prazo de 30 anos. Na próxima semana, o deputado se reúne com a equipe econômica do Ministério da Fazenda para tratar sobre o projeto.

O projeto – O projeto que cria a Zona Franca do Semiárido Nordestino parte da sua sede que será em Cajazeiras, no Sertão paraibano. A proposta beneficia com a isenção de impostos, 93 municípios nos nove estados do Nordeste e em Minas Gerais, partindo da sede que será em Cajazeiras, em um raio de 100 quilômetros. Na Paraíba serão 50 municípios beneficiados.

Comente

Camara Municipal

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
E-mail: [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here