Se eleito em JP, Manoel promete: “vou fazer melhor do que fiz em outros mandatos”

0

Contra tudo e contra todos, o deputado federal Manoel Júnior reafirmou que está garantido sua pré candidatura a prefeito da cidade de João Pessoa dentro do PMDB, partido ao qual está inserido, além de enaltecer as qualidades e feitos que ele alega serem importantes para o currículo de um bom gestor. Mesmo tendo personalidades de peso no partido que ora defendem aliança com o PSB, ora dizem que até a convenção de junho, tudo pode mudar.

“O PMDB já decidiu que vai ter candidatura própria, queira Ricardo Coutinho, queira Luciano Cartaxo ou não queiram. Nós vamos ter candidatura, se aparecer outro nome estou disposto a me submeter a pesquisa de opinião para que a gente defina quem é o candidato, mas até agora não apareceu ninguém, nem na convenção”, afirmou.

Questionado sobre suas aproximações com outros partidos, Manoel Júnior esclareceu. “A única proximidade que eu tenho é com o meu partido e o povo de João Pessoa, o resto são relações. Eu votei em Cássio Cunha Lima diferente do meu partido e tenho conversado com ele sobre a possibilidade de alianças. Em 2012 eu era pré-candidato, mas Zé Maranhão manteve o nome dele então eu tive que recuar. Agora chegou a minha vez. Quero emprestar o meu conhecimento, o que eu acumulei de experiência administrativa que já fui prefeito três vezes, como médico e gestor da área da saúde, e poder emprestar esses meus 51 anos de idade a serviço da cidade de João Pessoa, vou fazer por onde e vou fazer o melhor, como fiz em todos os meus mandatos”, explicou.

O parlamentar relembrou seu tempo enquanto prefeito da cidade de Pedras de Fogo e elucidou suas obras e ações, ressaltando sua capacidade em gerir uma cidade. “Eu tenho muita honra em dizer que minha cidade natal estabeleci e cumpri compromissos em Pedras de Fogo, que teve transformações importantes na área da saúde, educação, cultura, infraestrutura. Por exemplo, pegamos uma mortalidade infantil de 117 por mil nascidos vivos e deixar com menos de dois dígitos. Pedras de Fogo tinha uma mortalidade de nove por mil nascidos vivos, isso é fazer saúde de qualidade. Nós recebemos dois prêmios consecutivos da ONU, tem um programa habitacional que não era feito com dinheiro do Governo Federal, mas com recursos próprios da Prefeitura, nós construímos muitas casas e entregamos as chaves pra população. Então foi de lá que eu sai para ser o segundo deputado mais votado do Estado, pra ser vice-prefeito da cidade de João Pessoa e estar no meu terceiro mandato de deputado federal”, relembrou.

Manoel Júnior questiona o “mal estar” de outros partidos ao encarar a sinalização de candidatura do PMDB. “Agora, eu não sei porque causa tanto medo a candidatura do PMDB. Nós teremos a oportunidade de debater com o candidato do governador, com o prefeito Luciano Cartaxo e a população vai decidir”, disse.

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
WhatsApp: (83) 99373-4023
E-mail: [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here