Vigilância Sanitária interdita fábrica irregular de cosmético capilar

0

A Gerência de Vigilância Sanitária (GVS), da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), interditou nessa segunda-feira (22) o estabelecimento de fabricação de cosméticos para cabelo da marca Magic Blow, localizado no bairro dos Estados. A interdição aconteceu após uma inspeção no local junto a Delegacia de Ordem Tributária do Estado.

De acordo com o gerente da Vigilância Sanitária de João Pessoa, Alberto José, o estabelecimento não possuía os documentos necessários para o funcionamento como o Alvará de Localização e Funcionamento, Licença Sanitária emitida pela Vigilância Sanitária Municipal, Autorização de Funcionamento de Empresa (AFE) emitida pela Anvisa.

Além de não possuir os documentos necessários e ser considerado ilegal, foram encontrados rótulos falsificados de produtos e o estabelecimento também não possui responsável técnico habilitado para a fabricação dos produtos comercializados.

“Como não tem um técnico responsável para realizar as atividades de fabricação e formulação e os produtos não possuem registro na Anvisa, não existe a segurança necessária para a comercialização e utilização desses cosméticos por parte da população, gerando um grande problema de saúde pública”, explica Alberto José.

Alberto orienta para que a população, principalmente mulheres e proprietários de salão de beleza, não comprem produtos dessa marca e quando forem ao salão procurar saber qual produto está sendo utilizado no seu cabelo. “Esses produtos podem implicar em alergias, queda de cabelo, lesões do couro cabeludo, entre outros agravos”, destaca o gerente da Vigilância Sanitária.

Além da interdição do estabelecimento, a GVS apreendeu produtos para que seja feita uma análise técnica.

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
WhatsApp: (83) 99373-4023
E-mail: [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here