Vigilância orienta população sobre cuidados com alimentação nas festas de fim de ano

    0

    Seja na orla, em casa ou em salões de festas, as comemorações de ano novo sempre são regadas a muitas comidas e bebidas.  Mas é preciso ter cuidado com a qualidade da alimentação durante as festividades. Para que as lembranças da festa sejam boas, a Vigilância Sanitária da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) orienta que a população deve ficar atenta, principalmente ao condicionamento e higiene dos alimentos.

    Atitudes simples podem evitar problemas de saúde. Para quem for levar a própria comida para o réveillon, a orientação é acondicionar os alimentos de forma adequada em papel filme, papel alumínio ou recipientes atóxicos, mantendo-os em caixas térmicas, evitando o contato do alimento diretamente com o gelo e consumi-los o mais rápido possível. “O maior cuidado deve ser com alimentos preparados em altas temperaturas, como por exemplo, as frituras”, explicou Alberto José dos Santos, gerente da Vigilância Sanitária.

    O gerente também dá dicas para quem vai comprar a comida em restaurantes ou em barracas. “É preciso verificar o acondicionamento dos alimentos, observar se esses produtos, como cremes, sorvetes ou salgados estão guardados de forma adequada e dentro da temperatura adequada, que para produtos quentes é de 60º ou mais e para produtos frios, até 18º. Também é muito importante verificar a questão da higiene do local, se há sujeira nas proximidades, quais as condições higiênicas de quem está manipulando o alimento, desde a roupa até a higiene das mãos”, alertou Alberto José.

    A Vigilância Sanitária de João Pessoa tem realizado um trabalho intenso de fiscalização em bares e restaurantes da Capital. “Podemos tranquilizar a população e os turistas que estão chegando, que hoteis, restaurantes, bares e quiosques da orla, estão sob fiscalização, foram inspecionados, estão em boas condições e em condições seguras”, complementou o gerente.

    Contatos – Quando alguma irregularidade for identificada, o pessoense pode entrar em contato com a Vigilância Sanitária Municipal através dos telefones 0800-281-4020 e 3214-7956. “Diante de qualquer possibilidade de contaminação, a pessoa deve fazer denúncia do estabelecimento e não consumir o alimento. Além disso, deve-se evitar os excessos, que geralmente provocam danos à saúde”, concluiu Alberto José.

    Trabalho da Vigilância – As ações de Vigilância Sanitária, na área de alimentos, são executadas por uma equipe técnica multiprofissional, através de inspeções sanitárias programadas para liberação de Licença Sanitária e de intervenções demandadas através de denúncias em estabelecimentos que produzem e comercializam alimentos.

    Também são realizadas ações conjuntas com diversos órgãos, entre eles o Ministério Público, e atividades de educação sanitária como o curso básico para manipuladores de alimentos e campanhas educativas junto à população e comerciantes, com a distribuição de folders e panfletos.

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here