Vídeo mostra momento em que Berg Lima é preso pela polícia

Berg teria negociado que pagaria R$ 15 mil desta dívida, mas o empresário teria de repassar R$ 5 mil para o prefeito

0
191

Um vídeo mostra o exato momento em que o agora prefeito de Bayeux, Berg Lima, é abordado e preso pela Polícia. Ele foi flagrado recebendo propina de um empresário que fornece refeições a uma UPA da cidade e que a Prefeitura tinha uma dívida de R$ 77 mil.

Berg teria negociado que pagaria R$ 15 mil desta dívida, mas o empresário teria de repassar R$ 5 mil para o prefeito.

Confira abaixo o vídeo.

No pedido de prisão feito pelo Ministério Público da Paraíba (MPPB) é possível ter conhecimento que o restaurante do empresário tinha um contrato com a Prefeitura de Bayeux até o dia 8 de julho e que o débito da gestão com seu restaurante era de R$ 77 mil.

O empresário denunciou ainda que verificou no Portal da Transparência a existência de contrato grandioso de fornecimento de alimentação, mas que essas grandes quantidades não são entregues.

Empresário denuncia mais contratos

Além disso verificou que existe um contrato de R$ 360 mil para fornecimento de polpa de frutas e estranha o montante já que a necessidade de fornecimento diário de suco na cidade é de R$ 1 mil.

Prisão preventiva

Foi decretada no final da noite desta quarta-feira (5), pelo juiz Aluísio Bezerra, logo após a audiência de custódia no Tribunal de Justiça, a prisão preventiva de Berg Lima, agora afastado do cargo de prefeito da cidade de Bayeux.
Um mandado de busca e apreensão também foi expedido e deverá ser cumprido na prefeitura e na casa de Berg.
Como tem curso superior, ficará preso no 5° Batalhão de Polícia Militar, em João Pessoa, até ser julgado e condenado.
O vice-prefeito Luiz Antônio (PSDB) deve assumir o comando do Executivo bayeuxense já nesta quinta-feira (6), quando a Câmara Municipal deverá empossá-lo como prefeito até que o julgue e decida cassar ou não o mandato de Berg Lima.

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
WhatsApp: (83) 99373-4023
E-mail: [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here