Vereador rebate ameaça de Helton: “se pensa que vai intimidar, tá enganado”

0

Vereador rebate ameaça de Helton: "se pensa que vai intimidar, tá enganado"Intimidar, jamais. Ao menos esse é o pensamento do vereador Marcos Henriques (PT) ao saber que o líder da base do prefeito Luciano Cartaxo (PSD), Helton Renê (PC do B), irá pedir a cassação de vereadores que apoiaram o protesto de agentes de saúde, durante audiência pública na Câmara de João Pessoa (CMJP), na semana passada.

O petista se diz surpreso pela atitude do vereador “comunista” em ir de encontro aos interesses de uma classe de trabalhadores em prol de defender o Poder Municipal.

“Eu acho estranho um vereador do PC do B, que é um partido que tem história de luta com os trabalhadores, está com uma posição como essa, de repressão. Eu estranho isso mesmo”, declarou.

Marcos Henriques ainda argumentou que não se amendrota com ameaças do líder cartaxista. “Não tenho medo nenhum quanto a isso, porque as portas estavam abertas para receber as pessoas. Não houve nenhuma incitação, muito pelo contrário, houve tentativa de apaziguar. Tanto eu, quanto a vereadora Sandra Marrocos, tentamos apaziguar. Solicitamos que antes da audiência da LDO dessem voz à categoria, para que eles pudessem falar e sair”, explicou.

E manda recado para Helton. “Esse tipo de postura por parte do vereador tem um objetivo que é intimidar a bancada de oposição, usando um instrumento muito importante que é o Conselho de Ética. Agora, se ele pensa que vai usar o Conselho de Ética para intimidar algum vereador ou vereadora, está enganado. Eu defendi aqueles trabalhadores, como defenderei qualquer trabalhador que me procure. Irei recebê-los bem, representá-los e levar para a Câmara Municipal todo tipo de luta dos trabalhadores. Se ele pensa que intimidarão usando o Conselho de Ética, está enganado. Muito pelo contrário, isso me motivará a cada vez mais levar os trabalhadores para fazer esse debate”, afirmou.

Comente

Camara Municipal

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
E-mail: [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here