TCE-PB investiga ‘escândalo das notas frias’ envolvendo a Prefeitura de Serra Branca

0

Auditores do Tribunal de Contas do Estado (TCE-PB) passaram pelo menos três dias em Serra Branca, no Cariri paraibano, investigando a denúncia da emissão de ‘notas frias’ à Secretaria de Obras do município nos anos de 2013 e 2014, período em que a pasta era comandada pelo pré-candidato a prefeito da cidade, Vicente Fialho (Sousinha).

A denúncia atinge tanto o ex-secretário quanto o atual prefeito, Eduardo Torreão, executor e ordenador de despesas à época. A investigação foi feita meses após o Partido dos Trabalhadores entrar com uma ação na Justiça Federal pedindo a apuração de pagamentos não comprovados de cerca de meio milhão de reais com material de construção durante os anos de 2013 e 2014.

A Câmara Municipal de Serra Branca chegou a instalar uma Comissão Parlamentar de Inquérito para investigar as denúncias, mas segundo vereadores do PT e PSB, autores do pedido, a CPI não avançou nas investigações, pois maioria dos parlamentares é aliada do atual prefeito.

Segundo apurou o portal Cariri em Ação, os auditores do TCE-PB foram direto à procura dos processos licitatórios e comprovantes de pagamento, e querem descobrir onde o material comprado pelo então secretário Sousinha foi empregado.

“Eles irão em breve emitir um relatório atestando o que foi encontrado, mas antes poderão convocar o prefeito Eduardo Torreão e o ex-secretário de obras, Vicente Fialho, para prestar esclarecimentos quanto ao material comprado sem comprovação de seu emprego em obras do município”, diz o Cariri em Ação.

“Alguns aliados da Prefeitura e do ex-secretário falam que boa parte desse material foi doado, mas até para isso a secretaria apropriada para tal atividade seria a de Assistência Social e não de Obras, o que obrigará a Prefeitura de Serra Branca se explicar para a Corte de Contas do Estado”, acrescenta o portal.

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
WhatsApp: (83) 99373-4023
E-mail: [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here