Supremo adia eleição para escolha do seu novo presidente

    0

    O Supremo Tribunal Federal (STF) resolveu adiar a votação, em caráter simbólico, da eleição do ministro Ricardo Lewandowski para a presidência da Corte. O entendimento é que não seria conveniente realizar a votação sem a presença de dois dos seus pares: os ministros Luís Roberto Barroso e Luiz Fux, que não compareceram à sessão desta sexta (1º).

    Com a decisão, Lewandowski continua interinamente como vice-presidente do Supremo. A votação deve ser realizada na próxima semana. A eleição foi marcada para sessão de hoje pelo ex-presidente do STF, Joaquim Barbosa. No dia 28 de julho, antes da publicação de sua aposentadoria, Barbosa determinou que a sessão do dia 1º de agosto fosse destinada à eleição para efetivar Lewandowski na presidência do STF.

    Conforme o Regimento Interno do Supremo, a eleição do novo presidente deve ser feita somente na segunda sessão após vacância do mandato. Como o decreto de aposentadoria de Barbosa foi publicado na quinta-feira (31), o pleito não poderia ocorrer na sessão desta sexta-feira.

     

    Com informações da Agência Brasil

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here