SOS Cultura Popular: grupo denuncia abandono e descompromisso da PMJP

0

SOS Cultura Popular: grupo denuncia abandono e descompromisso da PMJPO mestre de cultura popular e presidente do grupo Afoxé Ylê Áwá, Márcio Amorim, denunciou o descaso da Fundação Cultural de João Pessoa (Funjope), com a cultura popular da cidade. O grupo está precisando do patrocínio da Funjope, para a participação em um evento de cultura afro, que será realizado em próximo domingo (28), em Mandacaru, porém, a resposta recebida da gestão municipal foi que a órgão não teria dinheiro para contratar o grupo.

“Domingo dia 28 acontecerá um evento afro, que sairá de Mandacarú até o Centro. Não aceitaram a solicitação na Funjope e afirmaram que não tinham condições de contratar grupo nenhum, pois não tinha dinheiro. Estamos nos organizando para realizar um protesto, estou reunindo todos os líderes e mestres da cultura popular. Estamos cansados de mentiras e promessas”, explicou.

De acordo com Márcio, o grupo que ele representa, foi contratado pela Funjope para participar da abertura da Festa de Iemanjá, dia 08 de dezembro e da comemoração do dia da Consciência Negra, os dois eventos foram realizados no final de 2016. Márcio denuncia ainda que o seu grupo participou de eventos da campanha de Cartaxo, após promessas da gestão em apoiar a cultura popular da Capital.

“Exigiram que participássemos de eventos na campanha de Luciano Cartaxo e votamos nele, pois nos prometeram mudanças no apoio a cultura pela Funjope”, relatou.

Atualmente, quem gere a Funjope é Maurício Burity. A reportagem tentou entrar em contato com o secretário e com a Fundação, mas até a publicação, não obteve êxito.

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
WhatsApp: (83) 99373-4023
E-mail: [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here