Socialista avalia exonerações da Saúde e extinção de serviço do Trauminha: “É piada de mau gosto”

    1

    O vereador Renato Martins (PSB) revelou qual o posicionamento que a bancada de oposição vai tomar com relação as centenas de exonerações de funcionários da Secretaria de Saúde de João Pessoa na semana passada.

    De acordo com o parlamentar o Ministério Público do Trabalho vai ser acionado, e inquéritos civis já abertos com denúncias no Ministérios Público da Paraíba (MPPB) e Federal (MPF) contra a gestão do prefeito Luciano Cartaxo (PSD), serão acrescentadas.

    “Estamos oferecendo assessoria jurídica ao prestadores de serviço que estão nos procurando. Alguns com seis anos já de trabalho em funções que requer conhecimento da comunidade e do funcionamento da unidade de saúde. Pediremos audiência pública pela comissão de direitos humanos a qual presido para tratar das demissões de forma clara e medir o impacto real desta medida na qualidade dos serviços ofertados” revelou Renato.

    O vereador declarou que vê a situação como uma “tragédia de gestão”. “Excluir cirurgias bucomaxilares e facial, bem como demitir prestadores de serviço sem ter feito concurso público e ainda colocar a culpa em outra gestão quando só em 2014 na eleição de Lucélio (Cartaxo) eles contrataram 350 PS a mais na saúde. É piada de mau gosto com tão importante serviço. Gestão trágica e incompetente”, desabafou o socialista.

    A exoneração de 800 servidores dos quadros da Secretaria de Saúde da Capital foi confirmada pelo secretário de Articulação Política da Prefeitura Municipal de João Pessoa, Adalberto Fulgêncio (PSD), na última quinta-feira.

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here