Série C: Botafogo-PB perde em casa, mas se mantém no G-4

0

A tarde chuvosa de domingo em João Pessoa foi o cenário para a primeira derrota do Botafogo-PB como mandante nesta Série C. Pela nona rodada, o Belo abriu o placar logo cedo, mas sofreu a virada do Sampaio Corrêa no segundo tempo.

O começo do jogo foi animador para a torcida botafoguense, já que no segundo minuto o Botafogo-PB recuperou a bola no meio campo, Dico arrancou, tabelou com Roger Gaúcho, invadiu a área e bateu cruzado, de pé direito, e abriu o placar no Almeidão.

O Belo se empolgou e não deixava o Tubarão reagir. Aos 19 minutos, o lateral esquerdo Alyson quase ampliou o marcador com uma pintura. O camisa 14 arrancou pela esquerda, driblou dois defensores, invadiu a área, limpou mais um zagueiro e mandou de direita quase no ângulo esquerdo do arqueiro Alex Alves, que se esticou todo mas não alcançou. Só que caprichosamente a bola explodiu na junção da trave com o travessão. Na sobra, Rafael Oliveira ainda chutou, mas o goleiro espalmou e evitou o gol.

Pouco tempo depois, após falta cobrada da direita, Rafael Oliveira cabeceou livre para estufar a rede, mas o auxiliar já havia anotado o impedimento.

No segundo tempo o Sampaio voltou melhor, mas o Belo ainda era superior em campo, mas não conseguia transformar o melhor desempenho em gols. E acabou sendo castigado.

Aos 16 minutos a defesa botafoguense cochilou, e após cruzamento da direita, Isac, de carrinho, tocou com o pé direito para empatar o jogo.

O Botafogo-PB teve grande chance de voltar a comandar o marcador aos 19 minutos, quando Roger Gaúcho ganhou na velocidade, invadiu a área mas demorou muito para chutar, tanto que Cleyton se antecipou e chutou por cima do gol.

O jogo ganhou em emoção, e três minutos depois a Bolívia virou o placar. Felipe Marques fez jogada em velocidade pela esquerda e tocou para o meio da área, onde Hiltinho apareceu sozinho e, da marca do pênalti escorou de pé direito, no canto esquerdo de Michel Alves, e marcou o segundo gol do jogo.

Atrás no placar, o Botafogo-PB seguia desperdiçando chances. Aos 30, a mais clara. Cleyton foi derrubado na área e o árbitro marcou pênalti. Na cobrança, o estreante Vanderlei bateu mal, mandou no canto esquerdo a meia altura, e Alex Alves fez a defesa.

Outra chance clara acnteceu aos 39 minutos, quando a bola foi cruzada na área. André Santos, livre, quase na pequena área, tentou encher o pé, mas furou de maneira bisonha. Na sequência, Cleyton bateu de pé direito, mas Alex Alves fez a defesa da bola que foi no meio do gol.

A primeira derrota em casa do Botafogo-PB pode tirar o time do G4. O Remo pode ultrapassar o Belo, que tem 14 pontos, e que caiu para a quarta colocação. No próximo domingo (16), o time da estrela vermelha vai até o Mato Grosso enfrentar o Cuiabá. O Sampaio Corrêa assumiu a segunda colocação do Grupo A, chegando aos 15 pontos.

Ficha técnica

Botafogo-PB 1 x 2 Sampaio Corrêa-MA
Campeonato Brasileiro Série C (Grupo A – 9ª rodada)
Estádio: Almeidão (João Pessoa)

Arbitragem: Willian Machado Steffen; Helton Nunes e Henrique Neu Ribeiro.

Gols: Dico (B); Isac, Hiltinho (S)
Cartões amarelos: Lito (B); Valderrama, Maracas, Jean Peterson (S)

Botafogo-PB: Michel Alves, Lito (Fernandes), Bruno Maia, André Santos, Alyson; Magno, Cleyton, Roger Gaúcho, Marcinho, Dico (Fernandinho); Rafael Oliveira (Vanderlei). Técnico: Itamar Schulle.

Sampaio Corrêa: Alex Alves, Roniery, Alexandre, Maracas, Esquerdinha (João Victor); César Sampaio, Valderrama (Wellington Rato), Diego Silva, Hiltinho; Isac, Felipe Marques (Zaquel). Técnico: Francisco Diá. As informações são do Voz da Torcida.

Comente

Camara Municipal

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
WhatsApp: (83) 99373-4023
E-mail: [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here