Senador paraibano volta a atacar Dilma e chama governo do PT de “corrupto”

    0

    O paraibano Cássio Cunha Lima, líder do PSDB no Senado, voltou a atacar o Partido dos Trabalhadores (PT) neste domingo (5). Durante convenção que reelegeu o mineiro Aécio Neves para a presidência do partido, o parlamentar da Paraíba conclamou a militância tucana para ir às ruas para “salvar o país”.

    Em tom irônico, Cássio disse que o PSDB não está defendendo golpe contra a presidente Dilma Rousseff (PT). “Golpe foi o que eles praticaram contra o povo brasileiro”, ressaltou o senador paraibano, em referência ao governo petista.

    Cássio declarou ainda que, durante anos, o PT tentou dividir o Brasil. “O Brasil hoje está dividido. Do lado de lá, governo corrupto do PT, do lado de cá, o povo brasileiro que vai às ruas”, disparou o tucano.

    Na semana passada, em discurso da tribuna do Senado, Cássio chegou a aconselhar a presidente Dilma a renunciar ao cargo. A ‘proposta’ do paraibano irritou os petistas, que utilizaram o site nacional da legenda, para lembrar que o parlamentar da Paraíba não tinha moral para atacar o partido, já que foi cassado no passado pela Justiça Eleitoral.

    O evento que reconduziu Aécio à presidência nacional do PSDB foi realizado no centro de convenções do hotel Royal Tulip, localizado a cerca de 500 metros de distância do Palácio da Alvorada, residência oficial da Presidência da República, em Brasília.

     

     

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here