Senador destaca simbologia do feriado de Tiradentes e inauguração de Brasília

    0

    O senador Raimundo Lira (PMDB-PB) destacou a simbologia do dia 21 de abril para os brasileiros, por lembrar “o grito de independência dos inconfidentes, sufocado pela Coroa Portuguesa” e ter sido, também, o dia escolhido pelo presidente Juscelino Kubitschek para a inauguração de Brasília e “de um novo tempo”.

    Ligando o presente ao passado, Lira destacou os ideais de luta de Joaquim José da Silva Xavier – o Tiradentes , morto há 218 anos, e afirmou que a história de um país é a história dos seus heróis e das epopeias que eles levaram o povo a realizar.

    O peemedebista considera importante ao País reverenciar a memória de ilustres personalidades que lutaram pela liberdade e por um País mais justo e fraterno. A revolução sonhada por Tiradentes, segundo Lira, tinha como objetivo mudar os rumos do Brasil e garantir vida digna para a população.

    Ele lembrou que o sonho de Tiradentes era ver um país independente da metrópole portuguesa. E observou, no entanto, que a independência alcançada pelo Brasil não foi a independência conquistada pelo povo, como queria Tiradentes.

    Segundo ele, ainda nos dias de hoje o Brasil enfrenta grandes lutas para conquistar a sua plena independência. O maior desafio, na visão do senador, é combater os organismos e estruturas que ainda querem atrapalhar o crescimento do País, principalmente em ano de crise.

    Ele também fez menção aos heróis da atualidade, que também arriscam as suas vidas em favor de uma sociedade mais justa, fraterna e igualitária, conforme prevê a Constituição Federal. Lembrou que a independência e a liberdade acontecem quando os brasileiros tem acesso a saúde de qualidade, educação, moradia e qualidade de vida.

    Raimundo Lira também enalteceu a memória do presidente Juscelino Kubitscheck, responsável pela construção de Brasília, justamente no dia 21 de abril, há 50 anos. Ele lembrou que, no movimento da Inconfidência Mineira, já estava a ideia da transferência da capital para o Planalto Central.

    Lira enfatizou que Brasília impulsionou o desenvolvimento econômico e social do país. Fundamentando ainda mais seu argumento de que JK obteve seu intento de desenvolver o “país interiorano e atrasado”, que se contrapunha no século 20 ao “país litorâneo desenvolvido”, o senador lembrou que algumas outras cidades também se desenvolveram no rastro da construção de Brasília, em importantes regiões do País.

     

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here