Ricardo extingue órgãos e funde secretarias para enxugar máquina pública

    0

    O governador Ricardo Coutinho (PSB) anunciou, nesta segunda-feira (22), reformas profundas na estrutura administrativa do Estado, durante entrevista coletiva no Palácio da Redenção. A Fundação de Ação Comunitária (FAC) e a secretaria estadual de Interiorização foram extintas e as secretarias de Infraestrura e Recursos Hídricos; e de Finanças e de Planejamento foram fundidas.

    “Vamos diminuir mais 300 cargos em comissão, chegando a um total de 10% de corte em 2015, que será um ano economicamente difícil. Temos 14 mil cargos comissionados existentes, mas só ocupamos 9 mil, e vamos racionalizar ainda mais estes espaços”, disse o governador.

    A Companhia de Desenvolvimento de Recursos Minerais da Paraíba (CDRM) passa a ser incorporada à Cinep, bem como a Fundação Casa dos Estudantes da Paraíba (Funecap), que passa a fazer parte da Secretaria de Educação. A Defesa Civil e a Casa Civil passam a fazer parte da Secretaria de Governo e a FAC passa a fazer parte da Secretaria de Desenvolvimento Humano.

    Esta, por sua vez, ganhará mais uma secretaria executiva, a de Gestão Pedagógica, que se somará a de Administração, Suprimento e Logística.

    A secretaria de Interiorização deixa de existir, e dá lugar a secretaria de Agricultara Familiar e Desenvolvimento do Semiárido, também com sede em Campina Grande, enquanto a representação do Governo em Brasília ganhará status de secretaria. Emater, Interpa e Emepa não serão fundidas, mas passarão a funcionar com uma gestão administrativa unificada.

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here