Recém-nascido é encontrado abandonado em terreno baldio na cidade de Cabedelo

    0

    Um bebê recém-nascido foi encontrado abandonado em um terreno baldio na cidade de Cabedelo, Região Metropolitana de João Pessoa, na manhã desta quarta-feira (1º). De acordo a tenente Viviane Vieira, da 6ª Companhia Independente da Polícia Militar que atendeu a ocorrência, o recém-nascido ainda estava com o cordão umbilical e foi achado por moradores da avenida Mar Negro, no bairro de Intermares.

    Segundo Viviane, os moradores ouviram um choro na rua no início da manhã e ao procurar no local, encontraram o bebê embaixo de um poste, em um terreno baldio. “Eles recolheram o recém-nascido, enrolaram em uma manta e acionaram a PM e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Chegamos no local e após fazer alguns exames no bebê, ele foi encaminhado para o hospital”, disse. O bebê está sendo acompanhado por uma equipe médica do Hospital da Polícia Militar General Edson Ramalho e a PM ainda não tem informações sobre quem seja a mãe do recém-nascido.

    A enfermeira do Samu que esteve no local, Natache Cabral, acredita que o bebê tinha poucas horas de nascido no momento em que foi localizado. “Quando a gente chegou, ele estava em uma residência agasalhado, mas os moradores encontraram em um terreno baldio, com alguns gatos ao redor. Pelas características, ele teria nascido há poucas horas, pois ainda estava sujo de sangue”, disse.

    Ainda de acordo com Natache, o estado do bebê é saudável. “Os moradores amarraram o cordão umbilical e quando chegou na ambulância nós fizemos a limpeza e colocamos um grampo. Ele foi agasalhado, fizemos alguns exames iniciais e está tudo bem com o recém-nascido”, completou.

    Da Redação com G1

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here