Raoni diz que se sente desrespeitado pelo PDT e não define apoio ao PSB

0

O vereador de João Pessoa e candidato a deputado estadual Raoni Mendes (PDT) ainda não definiu como será seu posicionamento político nas eleições deste ano. Até o momento, ele afirma que está avaliando possibilidades e que isso acontece por se sentir abandonado pelo próprio partido, que compõe a chapa majoritária da candidatura do PSB ao Governo do Estado. À priori, seu material de campanha não tem nenhuma indicação de apoio a candidaturas para governador, senador e presidente da república.

“Eu vou ajudar o partido da mesma forma que estou sendo ajudado. É o princípio da reciprocidade. O presidente (Renato Feliciano) está apoiando um candidato de outra legenda, que é o Lindolfo Pires e não vejo nenhum tipo de sinalização de apoio à minha candidatura. Eu me sinto desrespeitado constantemente. Mas o que me importa é estar com o povo e é com eles que estarei”, disse.

Raoni ressaltou que no momento oportuno dirá se vai apoiar à candidatura de Ricardo Coutinho, pois “é uma posição partidária em que o PDT tem uma candidata a vice”, a médica Lígia Feliciano. Mas, que ainda que futuramente decida apoiar o PSB, não apoiará a candidatura de Lucélio Cartaxo (PT) para o Senado.

“Onde estiver Cartaxo, estou do outro lado. Ninguém compreendeu ainda essa união dos Cartaxo com Ricardo. O povo elegeu ele por ser contra. É incoerente”, declarou.

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
WhatsApp: (83) 99373-4023
E-mail: [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here