Quinteto da Paraíba faz concerto hoje no Festival de Música Clássica

    0

    Vai de Capiba a Piazzolla o repertório tocado pelo Quinteto da Paraíba, um dos mais inspirados grupos de câmara nordestinos, que completa bodas de prata neste ano. Um pouco desta fusão musical e divulgação do rico legado artístico nordestino poderá ser visto na quarta-feira (3), às 16h, na Igreja Baptista, no quarto dia de apresentações do Festival Internacional de Música Clássica de João Pessoa. O festival é uma promoção da Prefeitura Municipal de João Pessoa, com patrocínio do BNDES.

    Formado há 25 anos, o Quinteto da Paraíba surgiu com a proposta de divulgar a obra de compositores brasileiros, mas é no Nordeste que encontra inspiração, responsável pelo resgate do Movimento Armorial. Publicações como “Gramophone”, “Classic FM Magazine”, “Repertoire” e “Diápason” fizeram elogiosas críticas às suas músicas. Participou também do CD “Labiata”, de Lenine, que ganhou um Grammy Latino.

    É um quinteto de cordas com técnica de música de câmara e suingue de música popular cujo traço se amplia e se adensa a cada disco gravado (quatro pela Kuarup, um pela Nimbus Record-Londres, um pela Chita-Discos, uma produção independente e um CD e DVD em parceria com Chico César-Biscoito Fino) e a cada apresentação em público.

    O Quinteto há muito transcendeu as divisas do Nordeste. Integrar a arte popular e erudita, tornando a música clássica acessível ao grande público, é o que faz deste grupo de cordas tão especial – e dos mais ativos de João Pessoa. Desde a sua formação, trata a música popular com elaborados arranjos e roupagem sofisticada, apresentando também temas da música clássica aos ouvintes menos acostumados ao gênero. Neste programa da quarta, a maioria dos arranjos é de Adail Fernandes.

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here