Quem quer queda de Dilma tem medo de ser investigado, diz Chico César

    6

    O cantor e compositor paraibano Chico César, durante o ato público “A Paraíba pela Democracia: Golpe nunca mais”, ocorrido nesta terça-feira (15), ressaltou em seu discurso a postura dos artistas em prol da liberdade e rechaçou o pedido de impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT).

    Chico César afirmou que os artistas sempre estiveram ao lado da liberdade. “ Nós, os artistas sempre estivemos ao lado das lutas pela liberdade. Essas liberdades foram conquistadas com muita luta e muito esforço e não podemos por um casuísmo deixar isso escapar”, garantiu.

    “O impeachment da presidente Dilma do jeito que ele é colocado agora, por quem é colocado, por esse grupo que está todo sujo, todo investigado. Todo mundo desses partidos que querem tirar a presidente Dilma, estão com medo de serem investigados e já estão sendo investigados”, salientou.

    O cantor criticou a ideia do impeacment e lembrou que, até o presente momento, nada pode ser usado contra a presidente. “Não podemos aceitar um pedido de impeachment nesses termos e por essas pessoas não há nada que desabone diretamente e pessoalmente a presidente Dilma. Não há uma conta sequer no nome dela, nem aqui e nem fora, na Suíça ou em qualquer lugar, não é a mesma coisa com relação aos seus acusadores. Por isso que a sociedade, os artistas, os intelectuais, os jornalistas os trabalhadores se uniram para defender esse mandato, e mais que defender o mandato é defender a democracia”, relatou.

    Chico repudiou também a atuação das grandes mídias que, segundo ele, estão fortalecendo a ideia do impeacment.“ Os setores da mídia quer estavam encampando a ideia do golpe recuaram a gente observa isso na própria Rede Globo, no próprio grupo da Folha de São Paulo e isso tira muito o peso de uma campanha difamatória o tempo inteiro contra um partido e tudo contra uma pessoa a gente percebe, por essa últimas manifestações do dia 13, o aniversário do famigerado AI 5, uma coincidência triste, é que já houve muito menos adesão. Essa manifestação que acontecerá amanhã no Brasil todo, vai mostrar um grupo fortalecido e a luta pela democracia”, disse.

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here