PT diz que partido apoiou Ricardo Coutinho sem pensar em ‘índices de aprovação’

    0

    O ex-presidente do Diretório Municipal do PT em João Pessoa, Jackson Macedo, saiu em defesa do seu partido e rebateu as declarações do presidente de Assembleia Legislativa, Adriano Galdino (PSB). Nesta quarta-feira (22), Jackson afirmou que o PT quando se aliou ao PSB para reeleição do governador Ricardo Coutinho (PSB), não levou em consideração ‘pesquisa de popularidade’, mas sim, o projeto político.

    Galdino, durante entrevista ao programa Rádio Verdade, disse que o apoio do PSB ao prefeito de João Pessoa Luciano Cartaxo (PT) estará atrelado a aprovação popular do petista.

    Jackson lembrou que quando a aliança foi selada entre os partidos Ricardo não estava em uma boa fase de governo. “Em 2014 a aliança não foi só para aquele momento. E quando o PT se uniu ao PSB não levou em consideração pesquisa de popularidade, o PT entendeu que o PSB era uma aliado para um projeto importante. E foi por causa deste acordo que Ricardo conseguiu virar o jogo e ser eleito”, explicou.

    O petista cobrou dos socialistas gratidão e reciprocidade para com o partido. “A expectativa do PT é a de gratidão política, esperamos isso do  PSB pela contribuição que foi oferecida no pleito eleitoral e  que continuamos a dar na Assembleia Legislativa através dos nossos deputados na gestão de Ricardo. E por isso acredito que não há motivos para rompimento”, apelou.

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here