PSC garante que apoia Manoel Júnior na disputa pela PMJP em 2016

    0

    O líder do PSC na Paraíba Marcondes Gadelha (PSC), em entrevista ao Paraíba Já, rebateu as afirmações do deputado estadual e líder da bancada de oposição Renato Gadelha (PSC), de que o partido não teria ainda um posicionamento quanto ao apoio nas eleições de João Pessoa e que estaria decidindo entre apoiar a reeleição do prefeito Luciano Cartaxo (PSD) e a de Manoel Júnior (PMDB).

    Marcondes Gadelha garantiu que o posicionamento do partido nas eleições na Capital será apoiar a candidatura do peemedebista, que deve disputar a Prefeitura de João Pessoa (PMJP).

    “Eu respeito a posição de Renato, mas nós apoiamos Manoel Júnior, é a nossa posição de apoio. Se porventura, Luciano for para o segundo turno, e não Manoel Júnior, então nós vamos apoiar Luciano Cartaxo. Mas caso Manoel, vá para o segundo turno, nosso apoio continuará sendo dele”, afirmou Marcondes Gadelha.

    Para o líder do PSC, os motivos deste apoio se dá pelo fato da legenda acreditar que o peemedebista trará mudanças para o cenário político de João Pessoa.

    “Manoel Júnior representa uma proposta nova. É uma ideia para criar caminhos alternativos, uma terceira via na cidade. Não temos nenhuma atitude contrária a Cartaxo, muito pelo contrário, a gente trabalha com a hipótese que se porventura Manoel não for para o segundo turno ou se Manoel não for candidato a coisa muda de figura. A única certeza que temos é que não apoiaremos o candidato do PSB” atestou.

    Posse

    Com a licença do deputado federal Pedro Cunha Lima (PSDB) para conclusão do mestrado, o suplente Marcondes Gadelha (PSC), líder estadual da sigla na Paraíba, tomará posse na próxima quarta-feira (02) na Câmara dos Deputados. A licença não remunerada do tucano será de quatro meses.

    Em entrevista ao Paraíba Já na manhã desta segunda-feira (30), Marcondes Gadelha afirmou que pretende apresentar projetos em quatro pontos, para ele,  prioritários, como a transposição do Rio São Francisco, segurança pública, e as crises econômica e política.

    A prioridade da sua pauta é cobrar agilidade para transposição do Rio São Francisco e assim amenizar os efeitos da estiagem na Paraíba. O deputado pretende também apresentar propostas com medidas emergenciais.

    “A transposição do Rio São Francisco continua atrasada, e não podemos morrer na beira d’água. Agora por mais esforço que a gente faça pela transposição, ela não vai se concretizar em menos de um ano. Por isso precisarei fazer esforço também em busca de soluções imediatas. Nós estamos entrando no quinto ano de seca e todos os mananciais então secando. Então irei me empenhar para conseguir recursos para poços artesianos e outras formas de abastecimentos”, declarou.

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here